01/04/2025

Depoimento - abril de 2020

Daniel Lemes e Alessandra Aparecida Lemes

Depoimento - abril de 2020

Sou casado com a Alessandra e temos três filhas. Fiz meu processo de recuperação na Fazenda da Esperança em Guaratinguetá/SP. Nesse período, minha esposa acompanhou o Grupo Esperança Viva (GEV).  Percebi que por ela frequentar o grupo, passou a enxergar a minha recuperação de uma forma mais compreensiva.

Eu mandava algumas cartas sem saber se ia conseguir me recuperar e sem a certeza de que conseguiria viver o carisma da Esperança fora da Fazenda, mas minha esposa sempre acreditou, graças a Deus e ao acompanhamento que ela teve no grupo. Eu percebia que as cartas dela me motivavam a permanecer com o propósito de concluir meu ano na Fazenda e depois ficar firme fora.

Hoje estou em casa e vivo muito bem com minha esposa e minhas filhas. A experiência de estar um ano “separados”, ou seja, eu me recuperando na Fazenda e ela em casa, amadureceu nosso relacionamento.

***

Durante o ano de recuperação do Daniel, frequentei o Grupo Esperança Viva em São José do Rio Preto/SP. O grupo mostrou que a família precisa se recuperar, pois é muito difícil ter um dependente químico em casa.

A família precisa de ajuda para saber lidar com a situação, tanto durante o tempo de recuperação, quanto depois, na volta ao convívio. No grupo, o ponto principal que nos impulsiona a viver a esperança, é fazer isso por nós e não pelo dependente. Precisamos buscar forças e no GEV encontramos pessoas com o mesmo propósito de incentivar, por meio da partilha, a recuperação do dependente químico.

Depois da recuperação do Daniel na Fazenda da Esperança, frequentamos o GEV juntos e buscamos viver o Evangelho para termos a finalidade de seguir os mesmos passos.

 

Facebook Fazenda Esperança Twitter Fazenda Esperança Instagram Fazenda Esperança Redes Sociais

Rogai por nós! Nossa Senhora Aparecida #FazendadaEsperanca #SantodoDia

Uma publicação compartilhada por Fazenda da Esperança (@fazendaesperanca) em